plano de negócios para academia

Plano de Negócios para Academia: tudo o que você precisa saber

Conhecer os números do negócio, organizar informações, valores, missões e objetivos é essencial para quem gere uma academia. Saiba como elaborar um Plano de Negócios

Você já elaborou um Plano de Negócios para Academia? Assim como qualquer outro empreendimento, este tipo de estabelecimento também precisa de um planejamento minucioso durante sua concepção.

É essencial conhecer os números do negócio, organizar informações sobre todas as etapas de sua abertura, valores, missões e objetivos. Definir os custos totais envolvidos no negócio, sua concorrência, modelo de negócios, etc.

Os aspectos são muitos, e é disso que trata um Plano de Negócios. Se você pretende abrir uma academia e ainda não está familiarizado com este termo, continue conosco.

No texto a seguir, vamos abordar a importância dele para sua academia de ginástica. Esperamos que com este artigo, você consiga recolher as informações certas para uma visão mais realista do seu negócio.

Se tiver dúvidas ou sugestões, coloque a seguir nos comentário. Tenha uma boa leitura!

Plano de Negócios para Academia: o que é e por que fazer?

Deseja montar uma academia de sucesso? Então, é preciso se planejar e estudar muito o seu nicho, principalmente por estar tão repleto de opções.

Pesquisas apontam que o mercado de academias de ginástica está em constante expansão no Brasil. Não admira que aquelas que se mantém no mercado sejam justamente as que estão preparadas para enfrentar a forte concorrência.

Dentro deste contexto, ter em mãos um Plano de Negócios para Academia é requisito essencial para seu êxito. Caso contrário, torna-se mais difícil atrair clientes ou ficar de pé por muito tempo.

Com ele, você consegue verificar a viabilidade do empreendimento, os caminhos a seguir, riscos, incertezas e chances de erros. Tudo isso, passando pela avaliação do mercado em que a empresa está inserida, organização estratégica e dos recursos financeiros disponíveis para a sua gestão.

Esse documento é usado para planejar um empreendimento tanto em estágio inicial ou já em funcionamento. Apesar da segurança oferecida pelo Plano a um empreendimento ainda em lançamento, nada impede que seja elaborado quando ele já está em funcionamento.

Embora de suma importância, sua construção não é tão simples e pode parecer mesmo complicada à primeira vista. Para te ajudar nessa missão, preparamos uma lista com as principais informações que precisa para começar a elaborar o seu. Vamos lá?

Estruturando seu Plano de Negócios

Como falamos, é a partir do plano que você traça as metas iniciais e organiza o necessário para começar sem surpresas. A seguir, elencamos alguns dos pontos essenciais para começar a montar o seu Plano de Negócio para Academia. Tome nota e comece hoje mesmo!

Quais são os objetivos e metas da minha academia?

Onde você quer chegar com seu empreendimento em um determinado prazo? Alinhe as estratégias e os planos de ação para atingir este objetivo. Defina as metas a curto, médio e longo prazo para atingir este resultado. Essa seção pode ser a primeira parte do seu Plano de Negócios para Academia.

Quais serão os custos com equipamento, espaço (aluguel), regularização, funcionários, luz, água, telefone e internet?

Esta parte pode ser separada em duas partes. O Plano Operacional, que deve descrever como a academia está ou será estruturada. Tenha em mãos as informações sobre sua localização, instalações físicas e equipamentos. A outra parte é o plano financeiro. Ele vai te dar a noção de quanto precisa investir para concretizar seu empreendimento. Estime o custo inicial para erguer sua academia, despesas, receitas, capital de giro, o fluxo de caixa e lucros. Aqui, também entram os custos pré-operacionais para abrir a academia: taxas de registro, instalação de softwares, reformas, equipamentos, dentre outros. Ambos planos, financeiro e operacional, precisam trazer o máximo de detalhes possível, de forma a evitar desperdícios e garantir uma boa produtividade. Não se esqueça de incluir também os indicadores de viabilidade. São eles: o ponto de equilíbrio, a lucratividade, a rentabilidade e o prazo de retorno do investimento.

Qual é a demanda existente para esse negócio?

A análise de mercado é também uma das etapas iniciais na elaboração de um Plano de Negócios para Academia. Público-alvo, o mercado local e os fornecedores para a sua academia – tudo isso é determinado pela análise de mercado. O nicho de atuação e dos produtos e serviços a serem oferecidos também são definidos nesta etapa. É essa análise que vai permitir identificar a demanda ou a necessidade mercadológica pelos serviços que a sua academia vai oferecer. Não é a toa que esta é uma das etapas principais do seu Plano para entender a viabilidade da sua academia.

Qual será minha concorrência?

Eis outra etapa fundamental da elaboração de um Plano de Negócios eficiente para sua academia. É importante lembrar que as empresas concorrentes são aquelas que atuam no mesmo nicho do mercado que o seu. Elas atendem ao mesmo público-alvo e oferecem produtos semelhantes ao do seu empreendimento. A partir da identificação das academias concorrentes diretas, é possível agregar diferenciais ao seu serviço e disparar na frente.

Qual será o diferencial da minha academia?

A observação da concorrência lhe permite extrair diversas lições relativas ao mercado em que você está inserido.Tendo uma visão realista de suas forças e fraquezas em relação aos concorrentes, é mais simples diagnosticar suas áreas vulneráveis. Leve em conta todos esses dados para melhorá-las e criar seu próprio diferencial em relação a concorrência. É desta forma que você poderá se destacar na acirrada disputa por alunos neste mercado cada vez mais competitivo.

Conclusão

Estes são apenas os primeiros passos do seu Plano de Negócios para Academia. Uma vez com ele pronto, lembre-se de que revê-lo periodicamente é necessário. Faça as adequações necessárias e as esclareça as mudanças para a sua equipe!

Deixe um comentário!

0 Comentários

Comente